Bem vindos!

Resgatar a história de um móvel é manter nossas raízes. Renovar uma peça, da qual você está cansada, é dar uma nova chance ao que também tem história. Por mais que você pinte e renove, ela sempre terá seu desenho original, indicando uma época. Isso é respeito à nossa cultura e respeito ao meio ambiente.

Sandra Guadagnin

Presenteie com criatividade.

sábado, 31 de julho de 2010

Cristaleira antiga.




sandraguadagnin
Sr Rude resolveu trazer de Santa Catarina o móvel que era de sua avó. E conforme ele, a cristaleira tinha várias camadas de tinta, todas claras, pois o medo de "aparecer em cor diferente" era comum no passado. Encontrado o restaurador, lhe foi confiado o trabalho de trazer de volta a originalidade da peça. Tal foi a decepção do dono ao ver a mistura de madeiras que havia debaixo das camadas de tinta (Imbuia, Pinheiro e Cedro Rosa), e me procurou, por indicação de uma amiga de longa data, pedindo que pintasse a peça de branco e que cada parafuso permanecesse original. Ufaa! Não foi fácil.

sandraguadagnin
Desmontei o móvel como pude, e os parafusinhos já sem fenda me tomaram muita paciência.

sandraguadagnin
E o que fazer quando as dobradiças foram colocadas com pregos há várias décadas?
Gastei as cabecinhas dos pregos delicadamente, com a  milagrosa DREMEL (Ainda bem que Sr Rude não exigiu que os pregos continuassem originais).

Daí muita água e removedor de cera no móvel, mas tudo na medida e no tempo certo, para não empenar a madeira. A peça chegou até minhas mãos com mais de 15 camadas de cera Canário aplicadas. O acabamento desta cera fica bom, mas não tão resistente quanto seladora e cera de Carnaúba.

sandraguadagnin
 As dobradiças preguiçosas tiveram de acordar e mostrar serviço. As tramelinhas, desanimadas pelos seus 80 anos e lá vai fumaça... Tudo bem que o restaurador anterior foi um pouquinho mais prático e colocou umas ferragens novas para segurar as portas fechadas.

sandraguadagnin
Aqui a madeira Cedro Rosa das portas superiores, com acabamento em cera comum.

sandraguadagnin
E uniformizadas por mim, com tinta Duco branca fosca e cantinhos raspados (esta é a melhor parte). Os puxadores em porcelana deram o detalhe delicado ao branco.

sandraguadagnin
Aqui, em casa de volta, numa cobertura no 5º andar de um prédio onde ela não coube no elevador. Que sufoco para os carregadores.
Mas deu tudo certo e é lá que ela ficará, novamente acomodando os objetos antigos da família e fazendo bonito.





2 comentários:

  1. Sandra... e vc vem me dizer que foge de peças grandes?rs..
    menina, q trabalhão!!! e que resultado fofo!! adoro puxador de porcelana, acho q fica leve!

    ResponderExcluir
  2. Lindas todas as cristaleiras ! Mas amei em especial a branca com puxadores de porcelana pq ficou bem shabby... Muito linda mesmo ! Mas essa que vc negociou com a amiga é fabulosa também. Bj e apareça mais vezes em meu blog ...

    ResponderExcluir

Olá! Deixe seu recado e espero te ver mais vezes por aqui.